quinta-feira, 10 de março de 2016

Ema *** Rhea americana (Linnaeus, 1758) ---Greater Rhea--

 A ema e o avestruz nos confundem muito, e seguidamente  nos deparamos com perguntas sobre eles. Afinal qual é a diferença?? 
O avestruz é uma ave originária da Africa  que leva o nome científico de struthio camelus, pertencente a ordem dos struthioniformes,  já a ema é uma ave  Rheiforme da família Reidhae, que ocorre exclusivamente na América do Sul.

A ema é a maior e mais pesada ave do continente americano.   Um macho adulto pode atingir 1,70 m de comprimento e pesar até 36 kg. A envergadura pode atingir 1,50 m de comprimento.
Apresentam plumagem do dorso marrom-acinzentada, com a parte inferior mais clara. O macho distingue-se por ter a base do pescoço, parte do peito e parte anterior do dorso negros. Difere do avestruz  por não apresentarem cauda epigóstilo.  Também não possuem glândula uropigiana.  Ao contrário das demais aves, há separação das fezes e da urina na cloaca;  os machos adultos possuem um grande pênis.
Possuem pernas fortes e pés providos de três dedos.
A ema é onívora se alimentam de frutas, sementes, folhas de grandes árvores, lagartos, moscas perto de carne em decomposição, cobras, moluscos, peixes entre outros.
Durante o período de reprodução, o macho emite um urro forte, ventríloquo e bissilábico, lembrando um bramido de um grande mamífero, como o boi: "bu-úp" ou "nan-dú". Vocaliza até mesmo durante a noite.
Os filhotes emitem assobios melodiosos que lembram o canto do inhambu-relógio.
O período reprodutivo inicia em outubro. O macho reúne um harém de três a seis fêmeas; estas, por sua vez, também mantêm relações com outros machos, havendo, portanto, poliginia e poliandriana espécie.
O macho constrói o ninho  em uma depressão no solo, forrando-o com  capim.Cada fêmea é capaz de pôr de 10 até 30 ovos . A  incubação  começa entre cinco e oito dias após as fêmeas terem iniciado a postura e pode durar de 27 a 41 dias. Os ovos eclodem todos no mesmo dia, são brancos; geralmente elípticos, e pesam, em média, 600 gramas. Os que não eclodem são colocados para fora do ninho ou devorados. O macho, responsável por chocá-los, altera frequentemente a posição do ovo, girando uma volta completa (360º) a cada 24 horas. Os filhotes ficam a cuidado do pai e atingem a maturidade sexual em dois anos.
Fonte: wikipédia
POSSUI 5 SUBESPÉCIES:
Rhea americana americana (Linnaeus, 1758) - ocorre nos Campos do Leste do Brasil, do estado do Maranhão até o estado do Rio Grande do Norte e ao sul, até o estado de São Paulo e Norte do estado do Paraná;
Rhea americana intermedia (Rothschild & Chubb, 1914) - ocorre no Sul do Brasil, do sul do estado do Paraná até o estado do Rio Grande do Sul e também no Uruguai;
Rhea americana albescens (Lynch & Holmberg, 1878) - ocorre nas Planícies da Argentina ao Sul da província de Rio Negro;
Rhea americana nobilis (Brodkorb, 1939) - ocorre no Leste do Paraguai, a Leste do Rio Paraguai;
Rhea americana araneipes
Fonte: wikiaves
Local do registro:  Parque das aves, Foz do Iguaçu Paraná
"Apesar de ocorrer bastante por aqui em nossa região gaucha, ainda não consegui um registro, mas espero tê-lo em breve!"
ESTADO DE CONSERVAÇÃO:      _ QUASE AMEAÇADA_

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Como fazer mudas de cássia-imperial (Cassia fistula, L.) (chuva de ouro) através de sementes

  Em uma de minhas idas a Pelotas RS, aqui pertinho me deparei com esta magnifica árvore,(imagem  wikipédia) muito linda,  carregada em f...