Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2014

Pardal -- Passer domesticus (Linnaeus, 1758)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                      RESUMO: O Pardal é um genérico dado aos pequenos pássaros da família Passeridae. Os pardais são aves cosmopolitas que adaptaram-se bem a áreas urbanizadas e a convivência com os seres humanos.   Alimentam-se a base de sementes a maior parte do ano, e de insetos na época da reprodução. O pardal foi introduzido  pelo homem em todo o continentes e é atualmente a espécie de ave com maior distribuição geográfica.  wikipédia Outro fato interessante sobre esta ave que pude observar,  é que usam vegetais verdes, folhas de uma planta macia (Foto acima) para algum fim. Creio eu que seja  na alimentação, ou podem usar com algum fim como por exemplo na ajuda de alguma desintoxicação causada por algum alimento forte.  Já que tem mais animais que ingerem vegetais para ajudar na digestão. Também observei que adoram tomar banho de sol.  Reúnem-se em alguns in

Cigarra-bambu fêmea --Haplospiza unicolor Cabanis, 1851

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                            Resumo: A cigarra bambu é um passeriforme    da família  Emberizidae.     Mede cerca de 13 cm, vivem em casais. Segundo o site wikiaves.com.br na época da frutificação do bambu aparecem em grandes bandos , o que ainda não pude observar ainda aqui em Canguçu, apenas este único  casal registrei até hoje. Esta pequena e simpática ave me pegou de surpresa, não a conhecia até então. Tudo começou com uma vocalização parecida com a do Tiziu Volatinia jacarina       que começou a me chamar atenção pelo fato do som estar vindo da copa das árvores, e pelo que conheço do tiziu,  sei que tem preferencia por vegetação baixa.   Foi muito difícil conseguir visualizá-lo em meio a copa das arvores, pois não parava nunca de vocalizar  e pular de galho em galho, e sempre que conseguia vê-lo era contra o céu, até que passado alguns dias e  a ave  vocalizando nas r

Cais-cais fêmea -- Euphonia chalybea (Mikan, 1825)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande RESUMO: O cais-cais é uma ave Passeriforme da família Fringillidae . Também é conhecida pelo nome de guaipapo, gaturamo de bico-grosso e gaturamo- grande. Alimenta-se de frutos de cactus  arborícolas e de outras epífitas. Fonte: wikiaves.com.br O macho (foto a esquerda)) é dono de um colorido mais intenso.  Ave de pequeno porte. Seu tamanho regula com o de  um canário, de um tiziu.. Não é muito comum vê-lo é bem discreto, normalmente ouvimos o canto primeiro.wikiaves cais-cais macho O  cais-cais  ( Euphonia chalybea ) é uma espécie   sul-americana de ave   da família Fringilidae  que habita florestas subtropicais   ou tropicais húmidas de baixa altitude. Tais aves contam com cerca de 12 cm de comprimento, um bico muito grosso e alto e plumagem das partes superiores e garganta azuis, encontrando-se ameaçadas por perda de habitat.  Também são conhecidas pelos nomes de gaipapo, gaipara e gaturamo-verde. wikipédi

Bacurau-tesoura- filhotes -- Hydropsalis torquata (Gmelin, 1789)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande RESUMO: O bacurau tesoura é um caprimulgiforme da família caprimulgidae. Também conhecido como curiango-tesoura. Tem como sinonímia Hidropsalis brasiliana.  É exclusivamente insetívora  Mede cerca de 40 cm de comprimento(macho adulto), onde a cauda toma mais de 2/3 deste total. A fêmea tem por volta de 27,5 cm. Sua longa cauda tem a forma de tesoura.  Emite um finíssimo   “tzig” voando e o canto é uma sequência prolongada de “zip…”, um pio por segundo.  wikiaves.com.br Esta ave pelo que pude observar prefere ficar durante o dia em locais de difícil acesso. Lugares com muita vegetação, e que contenha algumas clareiras no chão. O macho tem a cauda super grande, assim diferencia-se da fêmea. Esta fêmea escolheu um local bem limpo pra colocar seus ovos e chocá-los. LOCAL DAS FOTOS:   Arroio do Moinho 1º Canguçu RS Fêmea voando do ninho ESTADO DE CONSERVAÇÃO:     Pouco preocupante