Pular para o conteúdo principal

Postagens

Corujinha - do -mato -jovem ***Megascops choliba (Vieillot, 1817)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                            RESUMO: A corujinha do mato é uma ave Strigiforme da família Strigidae. Também conhecida como coruja-do-mato ou caburé de orelha (RN/PB). Seu chamado mais característico é um piar acelerado ascendente, emitido com grande frequência no escureçer aproximadamente lá pelas 19:00 20:30horas, mas também é ouvida de madrugada como da 0:00 a 1:00 h. Imitado costuma se aproximar da fonte ou responde com mais intensidade . Menor que a coruja buraqueira, medindo cerca de 20, a 22 cm. Destacam-se em sua silhueta duas ''orelhas'' nos lados da cabeça. Os olhos são amarelados destacados na parte cinza clara contornado com negro externamente.Peitos cinzas com rajados escuros e verticais sobre finas listras transversais. Dorso cinza amarronzado com bolas e rajas escuras. O juvenil sem as ''orelhas'' e os riscos escuros na plumagem co

Tiziu macho *** Volatinia jacarina (Linnaeus, 1766)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                           RESUMO: O tiziu é uma ave Passeriforme da família Thraupidae. Conhecido também como tizirro, saltador, veludinho, papa-arroz, bate estaca (Rio de Janeiro), serrador, serra-serra e alfaiate. Tem cerca de 11,5 centímetros de comprimento. O macho é todo preto com brilho azul-metálico, exceto por uma pequena mancha branca na parte inferior das asas. A fêmea é marrom-oliva na parte superior, amarelo-amarronzado na inferior com o peito e laterais  estriados de escuro. Fêmeas e imaturos  são quase idênticos a várias outras espécies da família, especialmente às fêmeas dos papa-capins.  www.wikiaves.com.br tiziu jovem ''Esta ave é bastante conhecida nossa,  geralmente é possível observá-la no limpo, vegetação rasteira, capinzal, onde ocorre  bastante inços, capim papuã, enfim.   O macho tem o costume de dar uma voadinha rápida para cima

Irré *** Myiarchus swainsoni Cabanis & Heine, 1859

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                  RESUMO: O irré é uma ave  Passeriforme da família Tyrannidae. Também conhecida pelos nomes de irrê, ou maria-irré. Vive nos cerrados, bordas das matas e cerradões,  evitando as áreas internas da vegetação florestal. Esta é a única espécie do gênero Myiarchus na América do Sul que tem comportamento migratório, ocorrendo em todo o Brasil. Esta ave pode e é muito fácil de ser confundida com outras espécies do gênero Miarchus.   Pois temos  em todas as aves do gênero, a garganta e a parte superior cinzas, com barriga amarela. Dorso escuro com a cabeça relativamente  grande e penas do topete mantidas semieriçadas. Bico escuro e forte.Cauda longa, do mesmo tom das costas. Nas asas, duas faixas claros nas penas de vôo. LOCAL DAS FOTOS:   Arroio do Moinho 1º Canguçu RS ''ESTAS ESPÉCIES SÃO MUITO PARECIDAS, E DE DIFÍCIL IDENTIFICAÇÃO, ATÉ MESMO  PARA ESPECIALISTAS.  

Pica-pau-do-campo *** Colaptes campestris (Vieillot, 1818)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                         RESUMO: O pica-pau-do-campo ( Colaptes campestris) é um grande pica-pau Sul Americano, campestre e terrícola.  Também é conhecido como chã-chã. Possuindo 32 cm, essa espécie é facilmente identificável por conta de sua coloração; tem os lados da cabeça e do pescoço amarelos, assim como o alto da cabeça e a nuca são negros, da mesma forma que o bico e os tarsos, manto e barriga barrados e o baixo dorso é visivelmente branco ao voo Também conhecido por chanchão, pica-pau-de-manga, e pica-pau-malhado.  Wikiaves.com.br ''Eu tenho observado aqui,  que ele fica muitos dias sem aparecer, e quando o faz sempre é na companhia de outros indivíduos.   Normalmente aparecem, e depois passam um bom tempo sem aparecerem. São mais vistos em campos, em cima de morões, postes de energia elétrica e também no chão catando cupins. Já tive a oportunidade de obs

Biguá -- Phalacrocorax brasilianus (Gmelin, 1789)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                            RESUMO: O biguá ( PHALACROCORAX BRASILIANUS ) é uma ave  suliforme da família Phalacrocoracidae. Também conhecidas pelos nomes de biguá-una, imbiuá, mergulhão, miuá, e pata-d'água. Por ser inteiramente preto recebe o nome de corvo-marinho.   Ave preta grande,aquática, mergulha em busca de peixes e permanece um bom tempo debaixo d'água, indo aparecer de novo bem lá na frente, mostrando apenas o pescoço para fora d'água. Para facilitar seus mergulhos  suas penas ficam totalmente encharcadas, eliminando o ar que fica entre as penas e dificulta os mergulhos. Para secá-las é comum vê-los pousados com as asas abertas ao vento que passa a   É comum observá-lo mergulhando em um ponto, e aparecendo em um ponto bem distante.Para facilitar o seus mergulhos ele encharca as penas retirando o ar que fica entre elas, depois para secá-las ele fica parad

Urubu-de-cabeça-preta **** Coragyps atratus (Bechstein, 1793)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                          RESUMO:  O urubu-de-cabeça-preta, (Coragyps atratus) é uma ave Cathartiforme da famíla Cathardidae, pertencente ao grupo de abutres do novo mundo. Conhecido também como urubu comum, corvo, urubu preto e apitã. www.wikiaves ''Segundo informações, esta espécie possui uma boa visão e um olfato apurado, mas não tanto como seu parente mais próximo, o urubu-de-cabeça-vermelha (Cathartes aura) que localiza a carcaça três vezes mais rápido que essa espécie. Isto se deve ao fato de que a parte do seu cérebro que se encarrega do instinto  olfático é cerca de três vezes maior do que a dos urubus-de-cabeça-preta.  '' Nidificam en terrenos longe da presença humana, junto do solo e nunca  são feitos mais altos que 50 cm. Os ovos, de cor cinza ou verde-pálido, são incubados por ambos os genitores durante 32 a 40 dias. Os juvenis eclodem com

Juruviara -- Vireo chivi (Vieillot, 1817)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                                                                                                        RESUMO: A juruviara é uma ave Passeriforme da família Vioreonidae. Também denominado popularmente de jiruviara.  wikiaves.com.br ''Esta ave eu particularmente não conhecia.  Espécie nova para mim, nunca a havia observado.  Ela não se mostra muito, tem um canto muito melodioso bem forte, mas sempre escondida em meio a copa das árvores.    Sempre pulando muito nos galhos, atrás de pequenos insetos e frutinhas. Tem um canto muito bonito, aposto que muitos já ouviram o seu canto mas não a conhecem. Clique no link para ouvir seu luindo canto: http://www.wikiaves.com.br/60578&tm=s&t=s&s=11453 Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande Estas fotos foram feitas após me chamarem a atenção por seu grande alvoroço. Um casal estava muito

Sanhaçu-papa-laranja -- (Fêmea) --Pipraeidea bonariensis (Gmelin, 1789)

                                                                            RESUMO: O sanhaçu papa-laranja é uma ave Passeriforme da família Trauphidae.  Também conhecido como sanhaçu-amarelo, sairão (Santa Catarina) e papa ameixa. São quatro subespécies: * Pipraeida bonariensis bonariensis ; Encontrado no Sudeste do Brasil, Uruguai e Argentina. Costas negras. *Pipraeida bonariensis composita . Bolívia Central. *Pipraeida bonariensis Darwinii ; Andes do Equador, Peru, Bolívia e Chile. Costas verdes. *Pipraeida bonariensis Chulzei . Sudeste da Bolívia e extremo Oeste do Paraguai.  wikiaves.com.br ''Encontrada por aqui em grande número,  sendo que é muito comum vê-las em laranjeiras, bergamoteiras, caquizeiros enfim.   Ave frugívoro. Esta é uma fêmea de sanhaçu, é visível as poucas cores que tem em relação ao seu companheiro.   LOCAL DAS FOTOS : Arroio do Moinho 1º  ESTADO DE CONSERVAÇÃO:   Pouco preocupante Sanhaçu macho

Tachã *** (casal com filhotes)*** Chauna torquata Oken, 1816

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                      RESUMO: O tachã é uma ave Anseriforme da família dos Anhimídeos. Ocorre  na região da Argentina e Bolívia  até a região  Sul do Brasil. Também é conhecida pelos nomes de anhuma-do-pantanal, anhuma poca, anhupoca, taâ, tachã-do-Sul, tachã, tajã, xaiá, e xajá. Tais aves medem cerca de 80 cm de comprimento, com pernas vermelhas, plumagens pardo-acinzentadas, pescoço com gola negra e estreito circulo branco.   Suas asas são negras e com uma grande área visível durante o vôo.  wikipédia, a enciclopédia livre ''Esta ave é conhecida aqui em minha região como Tarrã, e acredito que também seja no resto do RS. Aqui em Canguçu  RS ainda não consegui nenhum registro da ave, mas fiquei sabendo por amigos que em alguns açudes mais isolados no Município ocorreram visualizações.  Assim que conseguir algum registro aqui no Município postarei.'' FOTO AC

Cardeal jovem --Paroaria coronata (Miller, 1776)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                           RESUMO: O cardeal é uma ave Passeriforme da família Thraupidae Também conhecido como cardeal-do-sul, galo-de-campina, cardeal-de-topete-vermelho, guiratirica, e tié-guaçu-paroara. wikiaves.com.br ''Ave muito comum aqui em Canguçu RS, normalmente andam em casais, mas se juntam em grandes grupos também. Este jovem da foto com o seu colorido menos intenso esta sendo alimentado por seus pais, no qual se revesam em busca de alimento. Estas aves eu tive a oportunidade de acompanhar  de longe todo o processo reprodutivo, desde a construção do ninho, que foi em uma araucária muito grande que tenho aqui em meu sítio,até o estágio adulto da ave. Alimentam-se basicamente de grãos, mas caçam também  alguns artrópodes. Ave muito perseguida por sua beleza, e por  seu canto, que é muito lindo.'' LOCAL DAS FOTOS:  Arroio do Moinho 1º Cangu

Gavião caboclo -- Heterospizias meridionalis (Latham, 1790)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                            RESUMO: Esta ave também é conhecida por gavião -casaca-de-couro, gavião-telha, (São Paulo), gavião-fumaça (Mato-Grosso) e gavião-tinga (Pará), é um gavião campestre da família dos acipítrideos, que ocorre do Panamá à Argentina e em todo o Brasil, porém na Amazônia em alguns locais..  wikiaves.com.br Um fato interessante sobre este gavião é que ele tem um hábito um pouco incomum. Quando ocorrem queimadas ele voa diretamente pra os focos de incêndios a fim de se dar bem com a desgraça alheia.  Ele tanto vai a frente do fogo caçando insetos e pequenos animais que fogem, como vai atrás se fartando das  vítimas do incêndio. Esta ave eu nunca observei em Canguçu RS, e pelo que vi nem nas redondesas. ex: Pelotas, Morro Redondo, Rio Grande.. O município que tem mais registros desta ave  no site wikiaves.com.br  é o de  Arroio Grande RS. LOCAL DAS F

Pardal -- Passer domesticus (Linnaeus, 1758)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                      RESUMO: O Pardal é um genérico dado aos pequenos pássaros da família Passeridae. Os pardais são aves cosmopolitas que adaptaram-se bem a áreas urbanizadas e a convivência com os seres humanos.   Alimentam-se a base de sementes a maior parte do ano, e de insetos na época da reprodução. O pardal foi introduzido  pelo homem em todo o continentes e é atualmente a espécie de ave com maior distribuição geográfica.  wikipédia Outro fato interessante sobre esta ave que pude observar,  é que usam vegetais verdes, folhas de uma planta macia (Foto acima) para algum fim. Creio eu que seja  na alimentação, ou podem usar com algum fim como por exemplo na ajuda de alguma desintoxicação causada por algum alimento forte.  Já que tem mais animais que ingerem vegetais para ajudar na digestão. Também observei que adoram tomar banho de sol.  Reúnem-se em alguns in

Cigarra-bambu fêmea --Haplospiza unicolor Cabanis, 1851

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                            Resumo: A cigarra bambu é um passeriforme    da família  Emberizidae.     Mede cerca de 13 cm, vivem em casais. Segundo o site wikiaves.com.br na época da frutificação do bambu aparecem em grandes bandos , o que ainda não pude observar ainda aqui em Canguçu, apenas este único  casal registrei até hoje. Esta pequena e simpática ave me pegou de surpresa, não a conhecia até então. Tudo começou com uma vocalização parecida com a do Tiziu Volatinia jacarina       que começou a me chamar atenção pelo fato do som estar vindo da copa das árvores, e pelo que conheço do tiziu,  sei que tem preferencia por vegetação baixa.   Foi muito difícil conseguir visualizá-lo em meio a copa das arvores, pois não parava nunca de vocalizar  e pular de galho em galho, e sempre que conseguia vê-lo era contra o céu, até que passado alguns dias e  a ave  vocalizando nas r

Cais-cais fêmea -- Euphonia chalybea (Mikan, 1825)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande RESUMO: O cais-cais é uma ave Passeriforme da família Fringillidae . Também é conhecida pelo nome de guaipapo, gaturamo de bico-grosso e gaturamo- grande. Alimenta-se de frutos de cactus  arborícolas e de outras epífitas. Fonte: wikiaves.com.br O macho (foto a esquerda)) é dono de um colorido mais intenso.  Ave de pequeno porte. Seu tamanho regula com o de  um canário, de um tiziu.. Não é muito comum vê-lo é bem discreto, normalmente ouvimos o canto primeiro.wikiaves cais-cais macho O  cais-cais  ( Euphonia chalybea ) é uma espécie   sul-americana de ave   da família Fringilidae  que habita florestas subtropicais   ou tropicais húmidas de baixa altitude. Tais aves contam com cerca de 12 cm de comprimento, um bico muito grosso e alto e plumagem das partes superiores e garganta azuis, encontrando-se ameaçadas por perda de habitat.  Também são conhecidas pelos nomes de gaipapo, gaipara e gaturamo-verde. wikipédi

Bacurau-tesoura- filhotes -- Hydropsalis torquata (Gmelin, 1789)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande RESUMO: O bacurau tesoura é um caprimulgiforme da família caprimulgidae. Também conhecido como curiango-tesoura. Tem como sinonímia Hidropsalis brasiliana.  É exclusivamente insetívora  Mede cerca de 40 cm de comprimento(macho adulto), onde a cauda toma mais de 2/3 deste total. A fêmea tem por volta de 27,5 cm. Sua longa cauda tem a forma de tesoura.  Emite um finíssimo   “tzig” voando e o canto é uma sequência prolongada de “zip…”, um pio por segundo.  wikiaves.com.br Esta ave pelo que pude observar prefere ficar durante o dia em locais de difícil acesso. Lugares com muita vegetação, e que contenha algumas clareiras no chão. O macho tem a cauda super grande, assim diferencia-se da fêmea. Esta fêmea escolheu um local bem limpo pra colocar seus ovos e chocá-los. LOCAL DAS FOTOS:   Arroio do Moinho 1º Canguçu RS Fêmea voando do ninho ESTADO DE CONSERVAÇÃO:     Pouco preocupante

Cardeal do banhado -- Amblyramphus holosericeus (Scopoli, 1786)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                             RESUMO: O cardeal-do-banhado é um ave Passeriforme da família Icteridae.  Também conhecido por capitão, do- ré- mi, joão-pinto-do-brejo e soldado. wikiaves.com.br Esta espécie mede  de cerca de 24 cm.     Os juvenis têm a plumagem totalmente preto;   penas alaranjadas aparecem pela primeira vez em seu peito e na garganta, então estão se espalhando para o pescoço, cabeça e quadril.  Eles se alimentam de frutas, suplementado com sementes, insetos e outros invertebrados.   Eles usam seu bico como um martelo para abrir comida. Os cardeais  são monogâmicos, e os territórios são agrupados.   O ninho é uma forma de copo aberto, localizado no topo de um arbusto ou tecido na vegetação, nos mesmos colocam dois ovos. ''Esta ave costuma frequentar locais que tenha em abundância água. Beira de canais, lagoas, rios.. Locais que tenham bastant

Urubu-de-cabeça-amarela -- Cathartes burrovianus Cassin, 1845(urubupeba, urubutinga)

Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                      RESUMO: O urubu-de-cabeça-amarela é uma ave Cathartiformes  da família Cathartidae. Tem o comprimento de 53 cm a 65 cm, ostenta uma envergadura de 1.60 m.  A coloração  do corpo e  asas são idênticas ao do urubu da mata ( Cathartes melambrotus).   A distância sua cabeça parece amarelo claro quase branca. O juvenil possui cabeça negra.  Também possui olfato apurado e chega rapidamente as carniças, onde assim como o urubu de cabeça vermelha ( Cathartes aura), é afastado com a chegada de outros urubus.    wikiaves.com.br O  urubu-de-cabeça-amarela  ou  urubu-menor-de-cabeça-amarela  ( Cathartes burrovianus ) é uma ave necrófaga da família Cathartidae,  que pode ser encontrada no Mexico,  , na  Argentina   e no Brasil.   É uma ave de porte médio podendo chegar a até 65 cm de comprimento, 3,5 quilos de peso e ter uma envergadura   que pode variar de 1,45 a 1,8

Cigarra-bambu macho -- Haplospiza unicolor Cabanis, 1851

                                                         Clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                                                                                   Resumo: A cigarra bambu é um passeriforme da família Emberizidae.   Mede cerca de 13 cm, vivem em casais. Segundo o site wikiaves.com.br na época da frutificação do bambu aparecem em grandes bandos , o que ainda não pude observar ainda aqui em Canguçu, apenas este único  casal registrei até hoje Esta pequena e simpática ave me pegou de surpresa, não a conhecia até então. Tudo começou com uma vocalização parecida com a do Tiziu  Volatinia jacarina   que começou a me chamar atenção pelo fato do som estar vindo da copa das árvores, e pelo que conheço do tiziu,  sei que tem preferencia por vegetação baixa.   Foi muito difícil conseguir visualizá-lo em meio a copa das arvores, pois não parava nunca de vocalizar  e pular de galho em galho,

Encontro -- Icterus pyrrhopterus(Vieillot, 1819) (merro, melro,inhapim) - grande imitador-

  clique nas imagens para visualizar em tamanho grande                                                                         RESUMO: O encontro é uma ave passeriforme da família Icteridae. Conhecido também como primavera, inhapim (Pantanal), encontro Rio Grande do Sul, melro, merro e soldadinho (Paraná e São Paulo), pega,  soldado, maria pretinha, gorricho, guacho, rouxinol da Amazônia,  e xexéu-da-banana, e também xexéu-soldado.  Sempre metido no meio da vegetação da copa ou das bordas, procura   invertebrados, frutos e flores. Como o joão-pinto , suga o néctar das flores, abrindo-as ou enfiando o bico, às vezes a cabeça, na corola. Gosta das flores de ipê, tarumã, piúva e pombeiro, entre outras. Uma das formas de diferenciar o encontro do inhapim (Icterus cayanensis) é o comportamento mais acrobático de se alimentar. wikiaves.com.br ''Esta ave eu particularmente gosto muito de observar, já que é um grande imitador de outras aves. Quando ele esta inspirado chega